O sucesso de ‘Stranger Things’ foi simplesmente avassalador. O seriado logo após onze dias de seu lançamento na Netflix alcançou o topo do IMDB como a série mais popular do momento, desbancando inclusive o potente ‘Game of Thrones’. O logotipo da abertura de ST, foi tão imitado e adaptado que um site foi criado para gerar automaticamente uma sequência de duas palavras no formato da logo. Aparentemente a fama da série criada pelos irmãos Duffer tem incomodado a concorrência. O canal FX, da Fox, provocou a Netflix utilizando a logo de Stranger Things com os seguintes dizeres: ” Quer ver coisas estranhas de verdade? #OExorcistaNoFX”. Dando a entender que ‘O Exorcista’ será capaz de deixar a série rival para trás. A ‘brincadeira’ foi postada na página do Facebook da FX, com a seguinte legenda: “Até mesmo as forças de outro mundo sabem qual a série mais assustadora do momento”, dividindo opiniões entre os fãs. O post causou um alarde maior em vista da recente confirmação da segunda temporada de Stranger Things pela Netflix. A série ‘O Exorcista’ estreará dia 23 de setembro e trará em seu elenco Alfonso Herrera, Geena Davis, e Ben Daniels. O enredo traz dois padres muito distintos que lutam contra um terrível caso de possessão demoníaca em uma família. A produção é inspirada no filme – e livro – original homônimo de 1973 que foi o maior sucesso da época, no gênero terror e suspense. Tornando-se um dos mais lucrativos da história dos gêneros, arrecadando U$ 441.306.145 dólares ao redor do mundo. O filme estadunidense foi produzido e distribuído pela Warner Bros. e roteirizado por William Peter Blatty que foi o autor da obra literária de mesmo nome. O livro foi inspirado em um exorcismo documentado em 1949, em um garoto de 14 anos. O filme de 1973 concorreu a dez estatuetas do Oscar e ganhou duas delas, além de quatro Globos de Ouro, e da indicação ao BAFTA de melhor som. Vale citar que ele foi o único filme de terror a receber indicação ao Oscar de Melhor Filme. Então a FX tem em mãos uma responsabilidade muito maior que ‘cutucar’ Stranger Things.

Clique aqui e veja o post