A belíssima abertura de Stranger Things foi obra da empresa Imaginary Forces de Los Angeles, mas a fonte de Stranger Things não foi criada especialmente para a série. Ela é uma fonte já conhecida no mundo do livros, seu nome é ITC Benguiat e se você gosta de livros-jogos com certeza vai lembrar dela em Choose Your Own Adventure de Edward Packard. Também apareceu em Star Trek: First ContactPlanet of ApesTwin Peaks.

Quem alugava filmes VHS vai lembrar da fonte nas mensagens da Paramount.
paramount_1995

Mas os fãs de Stephen King que viram a abertura, com certeza já conhecem essa fonte de outro lugar. Pois ela remete a diversos livros lançados por Stephen King até a década de 80.
São eles: Cujo, Salem’s Lot, Firestarter, Misery, The Stand, Different Seasons, Night Shift, Pet Sematary, Carrie Christine.
1-rmcyEDsfgNDUF2xGCX9GjA
Tudo isso de anos 80 e onda retro – cuja série, basicamente, faz uma grande homenagem – também é visto na capa criada pelo artista Kyle Lambert (que diz que suas referências mais diretas são ilustrações de Tirou Strauzan, criador de cartazes de Star Wars, Back to the Future e Indiana Jones).

kyle-lambert-stranger-things-poster swcportal indiana-jones-and-the-raiders-of-the-lost-ark.13404 backtothefuture
Se você gostou do assunto, existe um texto no Medium bem aprofundado sobre o assunto (em inglês), clique aqui e leia!